(31) 3486-9883 - (31)98744.0793 / luxor@juliomachado.com.br

    • (31)98744.0793

Podcast 50 – NÃO ESTÁS DEPRIMIDO

Por:Julio Machado
Podcast | Sem categoria

22

jan 2020

 

Nesta semana deparei-me com um artigo do escritor e cantor argentino Facundo Cabral. Uma pessoa que através da experimentação de grandes sofrimentos e privações, desenvolveu uma visão espiritualista do cotidiano e nos brindou com esta reflexão… que compartilho com vocês.

“Não estás deprimido, estás distraído …
Distraído em relação à vida que te preenche;
Distraído em relação à vida que te rodeia: passarinhos, bosques, rios, montanhas…

Não estás deprimido, estás distraído. Por isso acreditas que perdeste algo; o que é impossível, porque tudo te foi dado.  Não fizeste um só cabelo de tua cabeça, portanto não és dono de coisa alguma.
Deus te tornou responsável por um ser humano… que és tu.  Deves então trazer felicidade e liberdade para ti mesmo.  E só então poderás compartilhar a vida verdadeira com todos os outros.

Lembra-te : “Amarás ao teu próximo como a ti mesmo”. Reconcilia-te contigo, coloca-te frente ao espelho e pensa que esta criatura que vês, é uma obra de Deus, e decide neste exato momento ser feliz, porque a  felicidade é uma aquisição e não uma requisição pessoal.
Aliás, a felicidade não é um direito, mas um dever; porque se não fores feliz, estarás levando amargura para todos os teus vizinhos.

Não estás deprimido, estás desocupado.
Ajuda a criança que precisa de ti, ajuda os velhos… e os jovens te ajudarão quando for tua vez.
Aliás, o serviço prestado é uma forma segura de ser feliz, assim como gostar da natureza e cuidar dela para aqueles que virão.

Dá sem medida, e receberás sem medida.
Ama até que te tornes o ser amado;  mais ainda, converte-te no próprio Amor.
E não te deixes enganar por alguns pessimistas e queixadores de plantão.
O bem é maioria, mas não se percebe porque é silencioso.
Uma bomba faz mais barulho que uma caricia, porém, para cada bomba que destrói dezenas, há milhões de carícias que alimentam a vida.
Então ser bom vale a pena, não é mesmo?

Se Deus possuísse uma geladeira, teria a tua foto grudada nela. Se ele possuísse uma carteira, tua foto estaria nela. Ele te envia flores a cada primavera. Ele te envia um amanhecer a cada dia.
Cada vez que desejas falar, Ele te escuta.  Ele poderia viver em qualquer ponto do Universo, mas escolheu o teu coração.  Encara, amigo, Ele é louco por ti!
Deus não te prometeu dias sem dor, riso sem tristeza, sol sem chuva, porém Ele prometeu força para cada dia, consolo para as lágrimas e luz para o caminho.
“Quando a vida te trouxer mil razões para chorar, mostra que tens mil e uma razões para sorrir”.

Esta reflexão do Facundo Cabral é um tônico para ficarmos motivados e não nos deixarmos abater pelos revezes da vida. Afinal, não somos vítimas de nada, a não ser que nos coloquemos nessa condição. Aí passaremos mais a reclamar do que a agradecer pelo que nos acontece.

 

 

Compartilhe:

Rua João Chagas 383 / 1203 - Bairro União - Belo Horizonte - MG CEP 31170-370

(31) 3486-9883

luxor@juliomachado.com.br